Truques fáceis para ajudar a escrever posts cativantes

By Sara Isabel | Dicas Online

Out 18
Truques fáceis para ajudar a escrever posts cativantes

Cativar o leitor é uma das maiores dificuldades de um blogger ou redator. Com tantas notícias, blogs, sites, informação e distrações, conseguir fazer com que o leitor fique na nossa página a ler o nosso post não é tarefa fácil!

Aviso: Este artigo contém links de afiliados para produtos recomendados de acordo com a experiência de uso. Apenas recomendamos o que gostamos! A compra de produtos ou serviços pelos links de afiliados não ficará mais caro.

Com a prática da escrita, é possível chegar a uma fórmula de sucesso para criar posts que cativem o leitor, mas é algo que precisa de tempo e de esforço. Não pode apenas escrever e esperar resultados, deve analisar cada peça de conteúdo. Só assim conseguirá encontrar essa fórmula.

Para sua sorte, aqui no Kit Criar Blogs já temos alguma experiência e revelamos algumas dicas para facilitar a criação de posts que agarrem desde a primeira palavra – e influenciem o seu leitor a ficar!

Vale a pena escrever sobre notícias?

Sim! Escrever posts sobre a atualidade ou sobre conteúdo noticioso pode ser uma excelente arma para conquistar leitores e fazê-los ficar no seu blog mais tempo. Escrever posts sobre a atualidade não significa necessariamente escrever um post jornalístico ou de informação: significa sim, transmitir o que de importante acontece na sociedade, interligando esse acontecimento com o nicho do seu blog.

Escolha temas da atualidade que sabe que interessam realmente o seu leitor e aproveite para não só noticiar como ensinar!

Um excelente exemplo pode ser visto quando é lançada uma aplicação ou ferramenta que tem uma visibilidade enorme. Pode falar desses lançamentos intercalando essa notícia com a importância que tal aplicação tem para o seu leitor e público.

Sendo assim, uma das dicas que temos para lhe dar, é estar sempre a par de todas as tendências e das últimas novidades.

Comece o seu post com storytelling

O storytelling é uma das técnicas mais eficientes para conquistar leitores na blogosfera e na internet no geral.

Esta técnica que tem sido muito comentada nos últimos anos consiste em escrever um post como se de uma história se tratasse. Isto permite que o seu leitor esteja a ler e se envolva gradualmente no assunto e tópico do post, sem ter que pensar ou analisar o mesmo como se fosse um post informativo ou instrutivo.

Pode também utilizar histórias conhecidas ou de referência, como contos populares, para envolver o seu leitor com algo que ele já conhece.

Outra forma de usar o storytelling é agarrando numa dor que incomoda o seu público-alvo e escrever sobre ela – caso tenha conhecimento ou já tenha passado pela mesma. Se conseguir fazer um conteúdo que transmita, exatamente, a dor do seu público, acredite, vai ganhar leitores.

Elabore um título magnético

O título é uma das coisas que faz com que o seu leitor continue a ler… ou pelo menos comece!

Um título que seja magnético faz precisamente isso: magnetiza o leitor a clicar e cria nele um desejo e necessidade de ler o post. Pense nos títulos que tem por hábito clicar e ler e siga esses exemplos. Uma boa técnica de aprendizagem e “análise de mercado” é ver o tipo de título dos artigos mais partilhados nas redes sociais.

Aconselhamo-lo a ter um documento com diferentes títulos que chamaram a sua atenção e, quando criar um conteúdo, entre na sua biblioteca de títulos e escolha um que se adeque. Sempre que encontrar algo chamativo num anúncio, acrescente também à sua lista. Esta será a sua biblioteca criativa.

“Não tenha medo da perfeição - nunca irá alcançá-la.” – Salvador Dalí

Sub-títulos: use e abuse sem moderação

Os sub-títulos devem ser utilizados nos seus posts para os tornar mais cativantes.

Uma organização clara por parágrafos e sub-títulos dentro do título principal faz que o seu leitor perceba rapidamente, ao primeiro olhar, que tipo de assunto trata o post e se tal o interessa. Este tipo de organização faz também com que o post pareça mais curto do que aquilo que ele realmente é, o que é uma vantagem.

A divisão do conteúdo por sub-títulos (H1, H2, H3) também será uma excelente ajuda para melhorar a estrutura dos seus posts e, consequentemente, ser encontrado pelo Google.

Se considerar relevante, adicione a estrutura do seu post no início do conteúdo, com links para os locais onde se encontram na página. Desta forma irá melhorar a experiência do usuário, permitindo-lhe navegar, diretamente, para o assunto que lhe interessa.

Dê o melhor conteúdo que pode ser encontrado na internet!

Não se sente e apenas escreva um conteúdo, muito pelo contrário, faça um estudo primeiro de modo a oferecer o melhor conteúdo que pode ser encontrado na internet! Como pode fazer isto? É simples.

Comece por escolher o tema sobre o qual vai escrever e a palavra-chave associada – palavra essa que pode ser encontrada no Google Keyword Planner e que deve ter um alto volume de pesquisas e uma competição baixa.

Escolhida a palavra-chave, pesquise-a no Google e abra os 10 primeiros resultados. Leia o conteúdo desses resultados e tire notas numa página do Word: veja quais os temas abordados, quais as dúvidas esclarecidas e quais os termos usados e que estejam em comum em vários resultados.

Por exemplo, imagine que vai escrever sobre um livro. Provavelmente alguns conteúdos terão apenas informações do livro e a opinião do leitor, outros terão excertos, outros terão uma biografia do próprio autor e outros informações oferecidas pelo escritor sobre o processo criativo. Provavelmente – exceto em raros casos – não terá um resultado com todas as informações.

Crie-o.

Além de ser excelente para o seu leitor, também será um bom conteúdo aos olhos do Google.

Seduza e use os sentimentos para cativar

Conte uma história sedutora e faça prova de humanidade durante o post, utilizando momentos de angústia, suspense e amor – tal como mencionamos no ponto do storytelling em relação às dores dos consumidores.

Com tanta automatização da informação, os leitores procuram cada vez mais posts e textos humanos, escritos por pessoas iguais a elas. Faça prova disso durante todo o texto que escrever, acabando por cativar assim o seu leitor. Dessa forma ele acabará por se identificar com mais facilidade consigo e com o seu blog.

Contar história pessoais que mostrem que você já passou por determinado obstáculo ou dor, regra geral, geram empatia e criam, automaticamente, interesse e ligação com o seu leitor.

Feche com estilo

Escreva uma conclusão não só para finalizar o tema mas também para fazer com que o seu leitor saiba precisamente o princípio, o meio e o fim. Esta organização segue a regra do storytelling e da construção de um post seguindo um modelo de história.

Escreva uma conclusão que finalize o tema e que permita ao seu leitor reter “a moral da história”, ou seja, uma conclusão que permita obter o conhecimento e informação central e principal do seu post.

Esta dica é ideal para ajudar leitores que perdem a atenção em conteúdos de mais de 500 palavras. Com uma conclusão, facilmente, eles terão um resumo de tudo o que aconteceu anteriormente no conteúdo.

Conclusão

Escrever um post de forma autêntica e cativante não é fácil, mas seguindo algumas dicas tal é possível.

Lembre-se que, como em tudo, quando mais posts escrever, mais agilidade vai ter em encontrar os títulos mais magnéticos e as histórias mais cativantes para envolver o seu leitor nos seus tópicos e objetivos editoriais.

Portanto já sabe, comece já a escrever e a praticar e aumente o sucesso do seu blog!

About the Author

Ilustração e copywriting. Fundadora do Projetos Digitais. Trabalho online desde 2014 e, desde então, já vivi em três cidades portuguesas diferentes.

Leave a Comment:

Leave a Comment: