Como escolher um domínio para o seu blog? Dicas e ferramentas úteis

By Ana Páscoa | Dicas Online

Mar 28
escolher um domínio

A ideia está pronta, o planeamento concluído e a motivação inicial está ao rubro. Chegou, finalmente, o momento de escolher o domínio para o seu projeto e dar o próximo passo em direção ao sucesso. No entanto, fica uma dúvida: como escolher o domínio para o seu blog?

Despender algum tempo na escolha do domínio é essencial, portanto, seguem-se algumas dicas para o guiar na direção certa.

O que é um nome de domínio?

Antes de saber como escolher o domínio adequado ao seu blog, torna-se essencial saber, ao certo, o que é um domínio. O domínio é o endereço atribuído a um determinado espaço na web, contendo o nome e a extensão do projeto. Este domínio veio facilitar o acesso aos websites, pois, desta forma, não temos que memorizar sequências de números.

Escolher o domínio mais acertado para cada projeto pode ser uma tarefa árdua, portanto seguem-se alguns aspetos que deve ter em conta quando escolher o seu nome de domínio.

7 dicas que mostram como escolher um domínio

Antes do início de qualquer projeto, fazer um brainstorming é essencial. Na escolha de domínio, o procedimento não é diferente. Comece por fazer uma lista com todas as possibilidades de domínio e as variações dos mesmos.

Ao fazê-lo, não pense no seu público nem nos motores de busca, pense apenas no seu projeto, no objetivo do mesmo e na voz que quer transmitir. Terminada a lista, leia as dicas abaixo e vá melhorando as suas hipóteses.

Caso necessite de auxílio na realização do brainstorming, pode usar algumas ferramentas que o irão ajudar a ter uma chuva de ideias relacionadas ao seu projeto

Alguns exemplos são :

6 geradores de nome de domínio grátis

1. Use uma extensão de domínio simples

As extensões são os sufixos que surgem depois do nome de domínio, ou seja, os .com ou .pt. Cada uma dessas extensões oferece informações sobre a sua empresa ou sobre a sua localização geográfica.

No entanto é importante relembrar que existe uma maior projeção dos endereços que terminam em .com. Essa extensão também é memorizada com maior facilidade por parte das pessoas.

2. Mantenha-o curto, memorável, simples e intuitivo

Assim como a extensão deve ser curta e memorável, o nome do domínio deve seguir o mesmo padrão. Evite ao máximo domínios longos e complexos ou que sejam difíceis de pronunciar, pois a dificuldade pode culminar na digitação errada. Mantenha-o fácil de digitar!

Uma dica valiosa de como escolher um domínio, agora que já tem uma lista com possibilidades, é pensar no público-alvo. Por exemplo, o seu público tem dificuldade em entender línguas estrangeiras? Em caso afirmativo, evite-as.

Lembre-se, ainda, que o domínio deve mostrar o foco do seu projeto. Quando a pessoa ouve o seu nome de domínio, deve associar ao nicho a que pertence.

 3. Evite o foco em SEO

Apesar de parecer contraditório com os princípios de SEO, deve evitar pensar nestas práticas enquanto escolhe o seu domínio. Manter o foco em SEO irá levá-lo a pensar, apenas, nos motores de pesquisa e no tráfego extra, o que pode ser prejudicial quando pensamos na vertente humana.

De modo a evitar SEO, identifique o público do seu blog e os objetivos do mesmo. Saiba para quem vai escrever e qual a finalidade e, com essas informações em mente, escolha um nome que mantenha os princípios descritos no ponto anterior: ser simples, curto e intuitivo.

Claro, se no final o seu nome de domínio for uma excelente palavra-chave, conseguirá ter o melhor da vertente humana e da vertente SEO.

 4. Mantenha a criatividade

Apesar de o nome de domínio ter de ser simples e intuitivo, a criatividade não deve ser excluída. Regra geral, nomes mais criativos são facilmente memorizados por parte das pessoas. Encontre um nome que seja criativo e que, realmente, jogue com a mente das pessoas. Dessa forma, garantidamente, será relembrado.

A criatividade irá, também, permitir destacar-se no meio da concorrência. Aposte neste ponto!

5. Verificar disponibilidade

Determinado o nome de domínio, deve verificar a disponibilidade do mesmo no site onde o vai adquirir. No Kitcriarblogs recomendamos o Namecheap. Caso o nome de domínio não se encontre disponível, deve voltar à sua lista e escolher outro que se adeque ao seu projeto.

 6. Escolha um site de registo de domínio confiável

Quando encontrar, finalmente, o domínio que descreve a sua marca, deve pensar em registá-lo, mas não registe no primeiro site que encontrar. Não registe, também, no mesmo site onde se encontra a hospedagem do seu blog. Ter estes dois registados em empresas diferentes irá garantir uma maior segurança para o seu projeto.

Escolha um site de confiança e que lhe ofereça o suporte que necessita para garantir a segurança do projeto. No Kitcriarblogs recomendamos o NameCheap, mais existem outras opções viáveis e que podem ser encontradas abaixo.

 7. Proteja e crie a sua marca

Com um domínio adquirido, só lhe resta proteger a sua marca caso deseje torná-la um projeto monetizado – e mesmo que essa não seja a sua finalidade. Dessa forma, mesmo que o projeto demore a crescer, está seguro e pertence-lhe apenas a si.

Muitas pessoas, ao iniciarem o seu projeto, esquecem-se de fazer o registo da marca e, quando pensam fazê-lo, já a marca está registada por outra pessoa. Evite estes problemas futuros com a sua marca e faça o registo da mesma.

Para obter mais informações sobre o registo da marca, consulte as regras de registo no seu país.

melhor extensão para o seu blog

Como escolher a melhor extensão para o seu blog?

A escolha da extensão para o seu blog irá depender do que, realmente, pretende para o mesmo. Pretende ser associado a determinada localização? Pretende ter uma extensão universal e relembrada por todos?

Na nossa opinião, a melhor extensão é a .com, pois é memorizada mais facilmente e tem um poder de projeção superior. Aliás, esta é uma das primeiras escolhas por parte de pessoas que registam o seu próprio domínio.

Registo de domínio VS registo de hospedagem: entenda a diferença!

O domínio e a hospedagem são dois fatores essenciais aquando o começo de um projeto digital. O domínio, como já explicado anteriormente, é o endereço que é digitado para chegar ao seu blog, enquanto que a hospedagem é o espaço que o seu blog ocupa na internet.

A hospedagem, basicamente, é um meio necessário para colocar o seu blog online. É nesta que se encontram os seus artigos, os ficheiros de imagens, o design da página e tudo o que é necessário para o seu leitor chegar ao espaço e ver o que vê.

Obviamente, existem hospedagens gratuitas que lhe irão permitir armazenar todo o conteúdo sem investimento, mas essas hospedagens são limitadas. Portanto, para obter a melhor experiência para o seu projeto digital, deve investir no alojamento.

Uma recomendação que queremos transmitir é o de nunca adquirir o domínio e a hospedagem na mesma empresa. 

Descubra os melhores locais para comprar o domínio e a hospedagem do seu blog.​​​​​

1. Onde fazer o registo do domínio?

Assim que eleger o seu nome de domínio e de verificar a sua disponibilidade, deve fazer o registo do mesmo e garantir que esse seja direcionado para o seu projeto. Na Kitcriarblogs recomendamos o uso do Namecheap que possui domínios a partir de $9.

No entanto, existem outras opções que já experimentámos e que consideramos viáveis, pois oferecem segurança e suporte. Entre as mesmas recomendamos, essencialmente, as seguintes:

Comprado o domínio, deve redirecioná-lo, através de DNS, para o serviço de hospedagem que irá suportar o seu blog.

Aqui estão mais alguns artigos para mantê-lo inspirado:

 2. Onde comprar o seu plano de hospedagem?

Pode encontrar mais informações sobre a compra da hospedagem  no artigo sobre o tema. No entanto, de forma resumida, a Kitcriarblogs recomenda hospedagem numa das seguintes empresas.

Para obter mais informações sobre este tema, leia o artigo sobre os serviços de hospedagem que aprovamos ou visite a nossa página de recursos.

Provedores de Hopedagem para WordPress

Empresas de hospedagem em Portugal

webhs.pt: Excelentes planos de hospedagem, excelente suporte ao cliente

Webtuga.pt: Bons planos de hospedagem, bom suporte ao cliente

Para mais informações: Melhores empresas de hospedagem em Portugal

Empresas de hospedagem no Brasil

Hostgator.com.br P​​​​rovedor de hospedagem do Brasil

Kinghost.com.br : Outro provedor de hospedagem do Brasil

Para mais informações: Melhores empresas de hospedagem em Portugal e Brasil

Empresas de hospedagem com suporte em Inglês

Siteground: suporte em inglês

Bluehost:suporte em inglês

Para mais informações: Melhores hospedagens com suporte em Inglês

Dos dois provedores mencionados, recomendo os dois. Para iniciantes, recomendo o Siteground.


De uma forma resumida, quando deseja iniciar o seu projeto, deve ter em mente que o investimento inicial necessário é em domínio e hospedagem, sendo que, dessa forma, consegue passar credibilidade e segurança aos seus leitores e seguidores.

Estes irão permitir-lhe, ainda, ser visto como um projeto profissional que, realmente, tem potencial para crescer. Isto porque os possíveis colaboradores irão pensar que se você investiu em domínio e hospedagem, provavelmente levará o seu projeto em frente.

Conclusão

Para concluir este artigo sobre como escolher um domínio, damos-lhe três dicas finais que podem fazer toda a diferença no sucesso do seu projeto: seja coerente, credível e conectado à sua marca. Desta forma, quando surgir novo material do seu projeto, as pessoas irão associá-lo a si e irão confiar no mesmo.

Tem outras ideias de como escolher um domínio que seja inesquecível e memorável? Conte-nos nos comentários.

Desfrutou deste post? Não se esqueça de compartilhar.


About the Author

Sou Ana Páscoa a mulher atrás do projeto KitCriarBlogs.com uma plataforma totalmente inovadora que promete revolucionar a aprendizagem do WordPress. Vivendo em harmonia com a natureza e a tecnologia.

Leave a Comment:

Leave a Comment: