Como escolher o domínio do seu blog?

By Ana Páscoa | Dicas Online

Jan 18
Como escolher o domínio do seu blog

Registar um domínio é um passo fundamental para o seu blog, uma vez que é a marca com que será representado.

O nome é importante para qualquer identidade on-line e é ainda mais importante quando falamos em URL. Imagine que um possível leitor quer chegar ao seu blog: lembrar-se do nome e consequente URL é essencial. Sendo assim, o seu nome deve ser fácil de lembrar e, ainda, fácil de digitar.

Aviso: Este artigo contém links de afiliados para produtos recomendados de acordo com a experiência de uso. Apenas recomendamos o que gostamos! A compra de produtos ou serviços pelos links de afiliados não ficará mais caro.

Se não seguir o caminho que facilita o seu leitor, irá perder visitantes e tráfego para o seu blog. Um registo com sucesso não significa ir a uma empresa que vende domínios e comprar qualquer coisa que seja .com ou .pt; é mais que isso! Deve fazer várias pesquisas antes de escolher o nome final do domínio.

Sabemos a complexidade que é essa escolha, portanto vamos ajudá-lo na decisão final. No final deste conteúdo terá tudo o que precisa para, finalmente, começar a investir no seu blog.

7 dicas rápidas para escolher o nome de domínio

1. Escolha um nome fácil de escrever e memorizar

A primeira dica a ter em conta é que deve escolher um nome de domínio que seja fácil de memorizar e escrever. Esse nome não deve ser confuso ou criar dúvidas no leitor e, ao mesmo tempo, deve descrever todo o seu projeto.

Por exemplo, o nosso blog pretende ajudar os seus leitores a criar blogs e a fazê-los crescer, portanto somos o seu kit completo para criar blogs; o nosso nome é Kit Criar Blogs.

Além disso não vai querer que o domínio seja muito grande porque as pessoas não se lembram dos nomes grandes. Deve ser simples, rápido, direto e memorável.

Uma forma de conseguir este nome é fazendo uma listagem de nomes que o fazem lembrar do seu projeto. Com essa lista fica muito mais simples conseguir escolher o nome final.

2. O nome deve ser exclusivo para o seu projeto

Não confunda o seu leitor com nomes que já foram usados anteriormente em outros projetos. O nome do domínio deve ser exclusivo e não igual aos tradicionais.

Caso fiquem dúvidas quanto a esta necessidade, vamos imaginar que você cria uma rede social com o nome ‘Faceback’. Provavelmente a rede social vai ser esquecida, pois todos se vão lembrar apenas do ‘Facebook’.

Se, por outro lado, o nome da sua rede social for totalmente diferente, as pessoas vão lembrar-se da mesma como a rede social que se destaca devido a determinada caraterística e nada relacionada ao Facebook. Aí sim, os utilizadores vão querer experimentar a sua rede social.

3. Geradores de domínios são excelentes opções

Caso esteja com dificuldade em escolher o nome para o seu projeto, pode usar alguns dos geradores de nomes disponíveis no mercado.

O seu uso é excelente porque pode dar-lhe o nome perfeito que tem procurado ou porque pode inspirá-lo a ter o nome perfeito. Em qualquer um dos casos, vale a pena experimentar a ferramenta.

Algumas opções disponíveis no mercado são o Domainsbot, o Namemesh e o Domainr. Aconselhamo-lo a fazer uma lista com as opções dos geradores e, mais tarde, rever essa lista e escolher a melhor opção.

4. Ao comprar o seu domínio, escolha marcas de confiança

Existem diversas empresas disponíveis no mercado para venda de domínios e hospedagem, portanto antes da compra deve fazer um estudo às opções disponíveis e escolher a que melhor se adequa a si.

Na procura, não deixe que o preço influencie toda a escolha. Estude o que a empresa tem para oferecer, qual a opinião de consumidores e ex-consumidores, se estão há muito ou pouco tempo no mercado, entre outros fatores. Lembrando que mesmo que a empresa escolhida seja nova ou pequena, pode ser uma excelente opção, desde que seja de confiança.

Outra dica: não escolha uma empresa que pode ir à falência num ano com o seu domínio no servidor. Lembre-se, os domínios são mais difíceis de mudar do que as contas de alojamento e, portanto, é aconselhável que escolha uma empresa que vende domínios que “durem uma vida”.

Caso queira saber onde comprar o seu domínio, leia este conteúdo que refere algumas das possibilidades disponíveis no mercado.

Dica: Escolha uma empresa que venda domínios que duram “uma vida”.

5. Escolha o tipo de domínio que realmente combina com a sua marca

Escolha o tipo de domínio exato que combine com a sua marca. Anteriormente, todas as pessoas escolhiam um domínio .com.

Mas o mundo mudou e agora há muitas opções, incluindo .pt, .org, .digital, .net, .tv e muitas mais. Por isso deve escolher sempre aquela que mais se adapta ao seu blog.

Se for uma organização, não deve escolher um domínio .com, mas, se por outro lado, se tratar de um blog, deverá manter sempre o .com que é conhecido como a melhor solução para as marcas. Se for uma empresa portuguesa que atue em Portugal, o .pt é uma excelente opção.

Como escolher o domínio do seu blog

6. Após a escolha, certifique-se que o nome está disponível nos canais

Assim que escolher o seu domínio, deve certificar-se que o mesmo está disponível para compra e que o nome escolhido também está disponível para criar uma página no Facebook ou uma conta no Instagram.

A realidade é que não faltam projetos que têm nomes diferentes em diferentes canais, tudo por falta de disponibilidade. No entanto a consistência é excelente para não confundir o seu leitor e não dificultar a procura pela sua marca.

7. Em caso de dúvida, pode questionar amigos ou familiares

Ao escolher o nome, caso não tenha a certeza se é uma boa opção, pode pedir a opinião de amigos e familiares. Questione se o nome descreve o seu projeto e se é memorável.

Caso estes não considerem o nome adequado, pode pedir a opinião relativamente às restantes opções da sua lista. Quem sabe os seus amigos ou familiares gostem de um nome que riscou inicialmente ou tenham uma ideia mais criativa com base nos que mostrou.

No entanto, lembre-se, a palavra final é sua: se se identificar com um dos nomes, use-o!

Deve registar o seu domínio na mesma empresa de alojamento?

As opiniões quanto a esta pergunta variam muito, mas a nossa opinião é não registar na mesma empresa e vamos explicar o porquê.

Imagine que encontra uma empresa que lhe oferece mais benefícios do que aqueles que tem atualmente. Ao mudar, o fornecedor atual pode reclamar o seu nome de domínio. Para ser mais seguro, utilize diferentes empresas: uma para registar o seu domínio e outra para alojar o seu blog.

Eu utilizo o site Namecheap para registar domínios e o SiteGround para alojar o meu blog e posso confimar que recebo bons serviços pelo que pago.

Conclusão

Lembre-se que o domínio é a primeira identidade da sua marca. Um blog é definitivamente uma marca pura e o nome do domínio desempenha um papel vital em garantir que o blog tenha sucesso.

Se olhar ao seu redor, não vai encontrar nenhum blog de sucesso com um mau nome de domínio. Por isso certifique-se que o nome lhe permite levar a sua marca ao sucesso pelo canal correto.

Sinta-se à vontade para deixar um comentário ou fazer qualquer pergunta na caixa de comentários abaixo que eu irei responder assim que me for possível.

About the Author

Sou Ana Páscoa a mulher atrás do projeto KitCriarBlogs.com uma plataforma totalmente inovadora que promete revolucionar a aprendizagem do WordPress. Vivendo em harmonia com a natureza e a tecnologia.

Leave a Comment:

Leave a Comment: