All Posts by Ana Páscoa

About the Author

Sou Ana Páscoa a mulher atrás do projeto KitCriarBlogs.com uma plataforma totalmente inovadora que promete revolucionar a aprendizagem do WordPress. Vivendo em harmonia com a natureza e a tecnologia.

Abr 18

8 ideias criativas: encante os leitores do seu blog

By Ana Páscoa | Dicas Online

8 ideias criativas encante os leitores do seu blog

Sente que precisa melhorar o seu blog mas não sabe como? Acredite quando lhe dizemos que este não precisa ser um processo doloroso e trabalhoso: pode ser bastante criativo e divertido!

Aviso: Este artigo contém links de afiliados para produtos recomendados de acordo com a experiência de uso. Apenas recomendamos o que gostamos! A compra de produtos ou serviços pelos links de afiliados não ficará mais caro.

Aplicando algumas técnicas, o seu blog pode tornar-se mais criativo, atrativo e aumentar assim o tráfego e engajamento dos seus leitores.

Vamos explicar-lhe neste artigo como é que com algumas estratégias simples e ideias criativas pode melhorar o seu blog.

8 ideias criativas: encante os leitores do seu blog

1. Defina a sua abordagem editorial

Não se assuste com este termo! Abordagem editorial é sinónimo de apenas pensar que tipo de conteúdos quer criar e quando é que os quer publicar. Defina de forma antecipada todos os conteúdos do seu blog.

O ideal será fazer uma estratégia mensal de conteúdo, mas isso pode variar de blog para blog, consoante a quantidade e volume de artigos publicados.

Esses conteúdos devem, ainda, obedecer a um objetivo comum. Se pretende aumentar o número de visitas, conteúdos que respondam às dúvidas dos leitores serão indicados. Se quer aumentar a quantidade de contactos retidos, um conteúdo que guie o leitor – como um conteúdo passo-a-passo – será o mais adequado.

Ter uma abordagem editorial permite uma regularidade assumida e um compromisso com o seu blog!

2. Não desista. Aprenda a falhar - domine a arte de tentativa e erro

Se a palavra “falhar” o assusta, deve mudar o seu mindset, ou seja, a forma como encara este termo – e a possibilidade de falhar na sua vida.

A realidade é que ter um blog envolve percorrer caminhos desconhecidos e falhar algumas vezes, seja na escolha do design, na escolha dos conteúdos ou até na periodicidade de publicação. Perante erros, não desista!

Dominar a arte de tentativa e erro é essencial para conseguir ir moldando o blog em relação às expectativas dos seus leitores. Desta forma, veja os erros como um avanço em direção à melhor versão do seu blog.

Veja os erros como um avanço em direção a uma melhor versão - Kit Criar Blogs

Click to Tweet

3. Publique conteúdo original e seja autêntico

Quando falamos na publicação de conteúdo original não falamos só da não publicação de conteúdo copiado ou plagiado: falamos também em conteúdo realmente original. Publique conteúdo que seja útil e que responda às necessidades e perguntas reais dos seus leitores e, ainda, que poucos outros blogs ou sites abordem.

A pesquisa é o primeiro passo para esse caminho: investigue, faça perguntas e tente perceber o que é que os seus leitores procuram e não encontram em nenhum lado!

A originalidade do conteúdo leva também a uma autenticidade obrigatória da sua parte: conecte-se de forma genuína com o seu leitor mostrando a sua personalidade em cada peça de conteúdo que criar.

Dica: Faça uma pesquisa completa pela sua concorrência.

4. Mantenha um design limpo e fácil de navegar

Falar de um bom design nunca é demais! Não tenha preocupação em pôr demasiados widgets e distrações no seu layout: concentre-se em criar um design limpo e fácil de navegar, no qual o seu leitor consegue encontrar facilmente todos os conteúdos que precisa e quer ler.

A inscrição na sua newsletter deve ser simples de encontrar assim como os seus contactos. Lembre-se que se o leitor perder muito tempo na procura, o contacto ou a inscrição serão perdidos.

5. Pergunte aos seus leitores o que eles gostariam de ler

Criar conteúdo que responda diretamente ao que os seus leitores precisam e procuram, é posicionar-se como um blog útil e de referência.

Participe na zona de comentários respondendo sempre a todas as intervenções dos seus leitores, alimente a sua lista de e-mails com perguntas e conversas diretas e pessoais e tente perceber o que é que os seus leitores gostariam de ler.

Isso irá aproximá-lo mais do seu público e fará com que o seu blog se torne uma referência no nicho!

Aqui o ponto 3 ganha destaque devido à necessidade de ser autêntico na interação com os seus leitores. Estes devem conseguir identificar a sua personalidade em cada palavra.

8 ideias criativas encante os leitores do seu blog

6. Jogar com as legendas das imagens

O WordPress possibilita de forma muito fácil colocar legendas em todas as imagens introduzidas nos artigos.

Brinque com essa funcionalidade apresentando e falando da imagem de um modo divertido e pertinente. Anime a imagem complementado a sua mensagem com um pequeno texto, citação ou informação útil para o seu leitor.

Neste ponto o tom pode ser mais divertido ou menos formal, de modo a que o leitor veja um outro lado de si. Isto tudo porque as imagens são uma das coisas mais chamativas e atrativas de um artigo, algo que o seu leitor irá realmente ver!

Dá para entender que este será um dos momentos mais importantes para conquistar o seu leitor, certo?

7. Procure inspiração: localize excelentes citações e aplique-as ao seu trabalho

Seja quando lhe falta a inspiração ou quando está mais desanimado, a busca por conteúdo motivador deve fazer parte da sua estratégia. Esta busca é excelente para si mas também para o seu leitor!

Usar citações e referências para complementar a mensagem do seu artigo enriquece o mesmo e traz uma credibilidade incomparável. Não hesite em procurar inspirações de outros autores (populares ou não), citando-os nos seus conteúdos. Para além do Google, outras excelentes fontes de referências externas são o YouTube e o Pinterest.

Um excelente exemplo de referências que pode ser realmente motivadora são os livros ou filmes. Se indicar um destes conteúdos e referir partes que foram importantes para si e o porquê, existe grande probabilidade de os leitores consumirem o mesmo conteúdo.

8. Desenvolva conteúdo com sugestões sociais: seja claro na chamada à ação

Crie conteúdos que dêem ao seu leitor vontade de participar e partilhar. As redes sociais e interações sociais na Internet são uma das melhores formas de engajamento e crescimento, então não hesite em deixar claro que, se o leitor gostar do conteúdo, pode partilhar a sua utilidade com os seus restantes contactos e que têm uma zona de comentários disponível para aí participar!

Muitas vezes algo tão óbvio como comentar ou partilhar pode necessitar de um lembrete.

9. Dica extra: saia do seu ambiente e vivencie novas experiências

Ficaria surpreendido com a facilidade da nossa criatividade desaparecer quando o ambiente e as experiências que vivenciamos se tornam banais e entram no modo de rotina. Quebrar a banalidade é a solução para ter novas ideias criativas.

Experimente ler um livro diferente ou fora da sua área de interesse, viajar para uma nova cidade, ver uma exposição ou um filme que se encontre em exibição, lanchar fora de casa num café que nunca experimentou ou apenas trabalhar num sítio diferente.

10. Dica extra: rodeie-se de pessoas da sua área

Falar com outras pessoas também irá ajudar no surgimento de novas ideias e na entrega de um trabalho mais criativo. Isto acontece devido à expansão do seu conhecimento e a uma reflexão real sobre o conhecimento que já se tem.

Mantenha uma comunicação frequente com outros bloggers ou com pessoas que se destacam na sua área de atuação.

Dica: Eventos e grupos em redes sociais são excelentes opções para manter a socialização.

Conclusão

Se pensa que ter um blog é uma tarefa fácil está muito enganado! Existe uma necessidade constante de manter a criatividade e a inovação e, após algum tempo, esses dois fatores começam a falhar. Para o evitar, deve seguir as dicas que mencionámos anteriormente.

Tem mais dicas criativas que resultam no seu projeto? Deixe-as nos comentários.

Mar 18

12 espantosas ferramentas para ajudar no seu blog

By Ana Páscoa | Dicas Online

12-espantosas-ferramentas-para-ajudar-no-seu-blog

Já tem o seu blog há algum tempo mas ainda não conseguiu atrair leitores suficientes? Temos 12 ferramentas que o vão ajudar a crescer o seu blog de forma simples, sem complicações.

Aviso: Este artigo contém links de afiliados para produtos recomendados de acordo com a experiência de uso. Apenas recomendamos o que gostamos! A compra de produtos ou serviços pelos links de afiliados não ficará mais caro.

Fazer crescer um blog nunca é tarefa fácil. Ter um conteúdo de qualidade, um design atrativo e uma comunicação impecável são os maiores segredos. Contudo, ter algumas ferramentas que ajudem esse crescimento – e que muitos webmasters usam – é algo que não pode deixar de lado.

Neste artigo apresentamos-lhe 12 espantosas ferramentas que têm por missão e objetivo ajudá-lo a crescer um blog ou projeto. Teste, experimente e veja os resultados do seu blog a melhorarem e muito!

12 ferramentas que o vão ajudar a crescer um blog

1. CoSchedule

Alguma vez teve dificuldade em manter a organização nas publicações? Ou, quem sabe, manter o calendário editorial em dia? Se tem esta dificuldade, um calendário que o ajude a organizar-se e ainda publique os conteúdos por si será útil.

O CoSchedule é a ferramenta que será uma ajuda preciosa! Este é considerado uma das melhores ferramentas de marketing de conteúdo para WordPress.

A ferramenta ajuda-o a organizar todos os seus conteúdos num calendário editorial, para que não perca de vista o seu conteúdo futuro. Ter tudo organizado é essencial para fazer crescer um blog com uma boa estratégia de conteúdo!

No entanto, o CoSchedule não se fica por aí! Também é uma ferramenta de partilha nas redes sociais. Sim: com esta ferramenta pode agendar automaticamente - e nos horários que convertem melhor - a partilha dos seus artigos ou outros conteúdos!

Entre as redes sociais suportadas pela ferramenta, destaca-se o Facebook, Twitter, Google Plus, LinkedIn e até grupos do Facebook. Não há desculpa para deixar um perfil ou página sem atualização!

Mas espere, a ferramenta ainda vai ficar melhor! O CoSchedule também apresenta um sistema de análise que lhe permite perceber que publicações convertem mais, quais têm mais partilhas e permite-lhe agendar publicações para qualquer altura... mesmo que daqui a um ano!

2. Feedly

O Feedly é uma poderosa ferramenta que será útil para si – que tem um blog – mas também para os seus leitores.

Mas o que é o Feedly? É uma espécie de "site de favoritos", no qual coloca todos os blogs e sites que gosta de ler e seguir. Assim, pode ler todos os novos posts de forma organizada, sem perder nenhum conteúdo ou link. Acabou a looonga e confusa lista de favoritos ou ter que memorizar tooodos os links dos seus blogs favoritos!

Para si, como deu para perceber, a ferramenta será útil por mantê-lo a par de tudo o que acontece dentro do seu nicho.

Quanto aos seus leitores, caso os incentive a inserir o blog num Feed RSS como o Feedly, nunca mais irão perder um post – ou dificilmente o vão perder. Esta é uma técnica excelente para quem quer crescer um blog pois irá atrair os leitores e seguidores para novas publicações.

3. Click To Tweet

Já imaginou como seria o crescimento do seu blog caso todos os leitores partilhassem o seu conteúdo nas redes sociais? Infelizmente isso não acontece, mas podemos aumentar as hipóteses dessa partilha usando ferramentas que facilitem.

O Click To Tweet é uma dessas ferramentas que lhe permite inserir citações ou frases prontas a serem colocadas no Twitter. Ao se deparar com a sua frase ou citação, o leitor estará mais aberto à partilha.

Essa partilha facilitada torna esta ferramenta ideal para crescer um blog, já que irá associar o seu conteúdo, o seu nome de utilizador e o link do seu blog.

O melhor é que a ferramenta é integrada no WordPress de forma simples e gratuita; comece a usar ainda hoje!

Dica: Existem ferramentas que permitem a partilha em outras redes sociais.

4. Triberr

Continuando no mesmo tema de partilha de conteúdos, existe uma rede social que é indispensável a todos os criadores de conteúdo e que permite crescer um blog ou projeto: o Triberr.

O Triberr é uma ferramenta de marketing usada por milhões de bloggers e criadores de conteúdo. Nesta rede social pode partilhar os seus conteúdos, criar um perfil seu e conquistar seguidores.

Mas o que difere o Triberr de outras redes sociais? Bem, a rede social é baseada na partilha e geração de tráfego: ou seja, as pessoas vão realmente partilhar o seu conteúdo!

Crescer um blog top 12 espantosas ferramentas que o ajudam nessa missão

5. Inbound.org

O inbound.org é uma comunidade de marketeers e webmasters no qual existe um grande poder e sentido de inter-ajuda e partilha. Nesta comunidade é possível ser inspirado por milhões de empreendedores de todo o mundo e, mais importante, aprender com eles.

Uma das vantagens desta comunidade é que pode personalizar a sua "expertise" e receber conteúdos segmentados com o que lhe interessa, ajudando-o assim também a fazer curadoria de conteúdos para o seu blog.

Num mundo em que criar blogs já é algo tão natural, o Inbound.org veio ajudar com toda a informação necessária para melhorar o crescimento.

6. Portent’s Content Idea Generator

O Portent Content Idea Generator é uma ferramenta poderosa que ajuda quem está a passar por um momento menos criativo. Se tem um conteúdo, uma ideia, mas não sabe que título colocar no post, o Portent Content Idea Generator é perfeito para si.

Esta ferramenta gera títulos originais e sobre o assunto que quer falar no seu post, garantindo um título atrativo e que converte leitores!

Acreditamos que esta ferramenta irá oferecer excelentes resultados quando implementada no seu projeto.

7. WordPress

Todas as ferramentas são incríveis, mas de nada servem se a plataforma não for adequada. Na nossa opinião, o WordPress é a melhor opção para quem pretende ter uma presença online.

Esta plataforma ganha a muitas outras ferramentas com a mesma finalidade devido ao seu poder de personalização simplificada, à facilidade de uso para experts ou leigos e à sua relação íntima com o motor de pesquisa Google. Esta é a melhor opção para quem quer melhorar os esforços em SEO.

Atualmente o WordPress é o Content Management System (CMS) mais usado na internet e não é por acaso. Gratuito e com milhões de funcionalidades, é sem dúvida a melhor base para qualquer blog ou projeto digital.

8. Google Trends

O Google Trends é uma ferramenta 100% gratuita da Google que lhe permite perceber e ver quais são os temas mais procurados e pesquisados no mundo inteiro.

Quer falar sobre algo que está "quente" – ou nas tendências – hoje? Procure no Google Trends! Pode filtrar os resultados por país e até por cidade!

Outra funcionalidade boa do Google Trends é que permite comparar diferentes termos de pesquisa. Se esta em dúvida entre utilizar como keyword "como fazer uma bolacha" ou "como fazer bolachas" pode comparar os dois termos e vai ficar a saber qual dos dois tem mais pesquisas.

9. Keywordtool.io

A pesquisa de palavras-chave – ou keywords – é um “bicho de sete cabeças” para si? Este ponto pode ajudá-lo!

O Keywordtool.io é uma ferramenta gratuita na qual pode fazer pesquisas de keywords a utilizar no seu blog. O SEO é uma das formas mais poderosas de fazer crescer o tráfego mas isso só é garantido com o uso de boas keywords.

Esta ferramenta é uma excelente alternativa ao Google Keyword Planner e a outras ferramentas mais complexas e caras.

10. Meme Generator

Os memes são, ainda hoje, uma das formas mais divertidas de comunicar com seguidores. Colocar um meme de vez em quando nos seus conteúdos, pode ajudar a crescer um blog muito rapidamente, se o meme se tornar viral.

Caso tenha dificuldade na produção de memes, a ferramenta Meme Generator é uma opção gratuita. Basta adicionar as fotografias e texto que desejar e voilà!

Dica: Para que um meme se torne viral, além da partilha nas suas redes sociais, fale com outros usuários que tenham contas onde o seu meme faça sentido.

11. EMV Headline Analyzer

O título é o primeiro contacto entre o seu conteúdo e o possível leitor. Pensando desta forma, e caso queira crescer um blog, torna-se lógico que necessita de um título bom e que converta.

No ponto 6 já mencionámos uma ferramenta que o ajuda a ter conteúdos com títulos atrativos, agora mostramos-lhe como fazer a análise a esses mesmos títulos.

O EMV Headline Analyzer irá analisar se o título do seu artigo está bem escrito, mas também se converte e se permite receber mais cliques. Sendo os títulos uma das coisas mais importantes num post, garanta que este tem a estrutura certa analisando-o gratuitamente nesta ferramenta!

12. Blog Topic Generator

Não tem ideias de temas a abordar no seu blog? Isso é muito comum quando já se está no ramo há algum tempo, mas não tem que deixar de publicar apenas porque a criatividade fez uma pausa.

Para títulos criativos, pode usar a ferramenta do ponto 6, para novos temas a abordar, use o Blog Topic Generator do HubSpot.

Como seria de esperar de uma autoridade no mercado, a ferramenta oferece tópicos criativos e que realmente respondem às necessidades das personas. A ferramenta está disponível para qualquer nicho existente no mercado.

Conclusão: e quanto a si?

Quais são as suas ferramentas favoritas para fazer crescer um blog? Usa alguma que não foi incluída neste artigo? Partilhe nos comentários e crie uma comunidade de conversa à volta deste tema!

Fev 18

A anatomia de um post impressionante

By Ana Páscoa | Criar blogs WordPress

A anatomia de um post impressionante - Kit Criar Blogs

Ter um tópico pertinente e adequando ao seu nicho não chega para que um post seja impressionante e atraia a atenção do seu leitor, também precisa de seguir um esquema ou estrutura adequado.

Pense num post como num corpo humano: o nosso corpo é formado por diversos órgãos que, juntos, formam uma harmoniosa anatomia. Um post, para impressionar e ficar na memória do seu leitor, precisa de seguir a mesma lógica.

Encontrar essa estrutura pode ser o verdadeiro desafio! E embora não possamos mostrar uma anatomia-padrão que trará resultados garantidamente, podemos dar-lhe alguns pontos que farão toda a diferença.

Aviso: alguns artigos podem conter links de afiliados para produtos recomendados de acordo com a experiência de uso. Apenas recomendamos o que gostamos! A compra de produtos ou serviços pelos links de afiliados não ficará mais cara.

Essenciais para ter um post impressionante

Envolva seus leitores e seus interesses

Ao escrever um post, nunca se esqueça de escrever para um leitor e não para uma máquina. A pessoa que o está a ler é uma pessoa com sentimentos, interesses e sonhos. Jogue com isso e aborde o seu tópico com frases envolventes e cativantes, que transmitam ao seu leitor a envolvência e ligação com o seu blog.

 ​Comece com uma imagem em destaque para atrair o interesse e definir o cenário do post

As imagens têm o poder de cativar imediatamente um leitor. Mas atenção, também podem ter o efeito contrário: uma má imagem num post excelente pode levar a que o seu leitor não se sinta atraído pelo conteúdo e nem o leia!

Escolha, portanto, uma imagem de destaque atraente, em ligação com o seu leitor e, sobretudo, que consiga definir o cenário do seu post. Uma imagem vale, muitas vezes, mais do que mil palavras!

Use um ritmo natural que conduza o seu leitor ao longo do post

Escreva um post de forma natural, como uma conversa amigável. Ao abordar o seu post como se de uma conversa se tratasse, garante que o fluxo conversacional é garantido ao longo do mesmo. O seu leitor precisa de sentir que não só está a ler um post escrito por alguém com autoridade no nicho em questão, mas também que o mesmo foi escrito de forma natural e não de forma automatizada ou mecânica.

Uma escrita natural faz com que o seu leitor nem sinta o tempo a passar e seja levado de forma calma e fluída até ao final do post!

Utilize fotografias e imagens de forma inteligente e com um propósito

Torne o seu post fácil de ler e atrativo utilizando imagens e fotografias. Tal como na imagem de destaque, utilize imagens que estejam enquadradas na mensagem e tópico do post. Não utilize também demasiadas imagens, pois isso pode levar a que o seu leitor fique disperso e distraído e com que o seu conteúdo escrito seja relegado para segundo plano.

Utilize imagens de forma inteligente, com um propósito e que sirvam o objetivo do post.

Coloque depoimentos e conte histórias de experiências e de pessoas

É muito mais fácil passar determinadas ideias e conceitos utilizando histórias e depoimentos reais ou realistas. Esta técnica de escrita é chamada de Storytelling, e pode traduzir-se precisamente como “contar histórias”.

Um leitor é muito mais facilmente cativado por histórias e experiências com as quais se pode relacionar e identificar, do que com conceitos teóricos e vagos.

Utilize esta técnica e escreva de forma mais pessoal, fazendo o seu leitor identificar-se com o seu post!

Aproveite o momento e capture o e-mail dos seus leitores

O e-mail marketing está nas tendências por ser uma forma direta e rápida de contactar os seus seguidores. Mas a realidade é que ninguém lhe dá o e-mail de livre vontade, portanto deve criar uma forma de captar esse e-mail e que seja impossível de ser ignorada.

Experimente quebrar o post com a oferta de um material gratuito em troca do e-mail. Essa oferta terá que ter uma relação forte com o que foi escrito.

Adicione links para outros conteúdos relevantes ao artigo

Muitas vezes, a meio de um post, existe um link para outro conteúdo que continua a dar respostas às perguntas. Esses links, certamente, serão alvo de atenção, portanto faça o mesmo com o seu conteúdo.

Esses podem direcionar para conteúdos dentro do próprio blog, mas também para conteúdos externos e de autoridade que justifiquem as afirmações feitas.

Elabore os seus meta dados para apoiar os objetivos e interesses do seu leitor

Os meta dados num post (e mesmo em todo o blog) são importantes para permitir que o seu blog e mensagem sejam facilmente recenseados pelos motores de busca.

Elabore um título, uma descrição e uma hiperligação de forma clara e que represente claramente os objetivos e interesses do seu leitor. 

Essa preocupação fará com que o seu leitor seja atraído mais facilmente para o seu post aquando os resultados nos motores de busca.

 …mas não se preocupe demasiado com as palavra-chave

Se é verdade que uma preocupação pelos meta dados é necessária, uma preocupação excessiva com palavras-chave a incluir durante o post é demasiado. Uma inclusão excessiva de palavras-chave, sejam simples ou de cauda longa (long-tail), pode causar um efeito negativo na sua reputação nos motores de busca.

Ao seguir as dicas acima, de escrita natural, fluída e pessoal, irá incluir de forma natural e não forçada as palavras-chave necessárias ao seu SEO.

A anatomia de um post impressionante - Kit Criar Blogs

Créditos: Pixabay


Lembre-se de incluir um apelo claro à ação para o objetivo do seu post

Todo o post tem um objetivo. Feche um post com um apelo claro à ação da parte do seu leitor. Cada post e conteúdo escrito deve ter uma moral e objetivo. Essa moral e objetivo pode - e deve em muitos casos - passar despercebida durante todo o post, mas o seu leitor precisa de finalizar o mesmo pronto a carregar no gatilho para proceder à ação.

Se o post quis passar ou ensinar técnicas de jardinagem, finalize-o com um incentivo claro à prática dos ensinamentos. Isso é o que se chama de “post trigger”, expressão que pode ser traduzida ​para“gatilho do post”.

Mantenha o seu esquema de cores e design simples

Os seus posts devem ser fiéis ao esquema de cores e ao design que escolheu para o seu blog. O seu conteúdo precisa de estar integrado de forma simples e natural no seu blog, não parecendo que tenha sido incluído de forma forçada ou descontextualizada.

Para evitar isso, garanta que o seu conteúdo segue o esquema de cores, as mesmas fontes e o mesmo formato de design do seu restante conteúdo!

Dica Extra: Ter uma estrutura que impressione é importante, mas…

A estrutura, só por si, não faz milagres. Para se tornar uma autoridade no seu mercado e ter leitores que confiem na sua palavra, será necessário conhecer as novidades no seu nicho assim que surgem. Com base nessas novidades ou nesse conhecimento, deve aplicar estas dicas e aí sim, os leitores irão confiar em si e considerá-lo autoridade no mercado.

Toda essa pesquisa que vem antes da escrita do post também irá ajudar a saber quais os tópicos que deve abordar no conteúdo e quais são menos relevantes, levando-o a criar um conteúdo impressionante e impossível de esquecer.

Conclusão

Escrever de forma natural e descomplicada garante que o seu post seja fluido e leve o seu leitor até ao fim do mesmo. Um post precisa de seguir algumas regras, mas a maior das regras é mesmo essa: a naturalidade faz a perfeição!

Siga estas dicas, compartilhe e caminhe de forma progressiva até a um blog de sucesso.

Set 27

13 top dicas para iniciantes em WordPress

By Ana Páscoa | Criar blogs WordPress

13 top dicas para iniciantes em WordPress

13 top dicas para iniciantes em WordPress. Iniciar um blog não é fácil! Com o pensamento nessa afirmação, criámos, anteriormente, a primeira parte do Guia do iniciante para iniciar um blog  , onde podem ser encontrados os passos a seguir por quem deseja investir neste tipo de projeto digital.

Aviso: Este artigo contem links de afiliados para produtos recomendados de acordo com a experiência de uso. Apenas recomendamos o que gostamos! A compra de produtos ou serviços pelos links de afiliados não ficará mais caro.

Nessa primeira parte, os leitores foram guiados a encontrar a sua paixão, o objetivo que têm para o projeto, a sua voz e o seu nicho, a resolver um problema, a definir os seus leitores ideais, entre outros passos. No final, o leitor tinha tudo o que necessitava para colocar mãos à obra e, efetivamente, começar o projeto digital. Esta segunda parte 13 top dicas para iniciantes em WordPress  tem o objetivo de colocar o projeto online.

Colocar o projeto online significa dar-lhe uma presença e permitir que possíveis leitores acedam ao conteúdo. Significa, finalmente, caminhar em direção ao que deseja conseguir com o blog e trabalhar arduamente para atingir os resultados. Este é o momento de manter o foco e esforçar-se; acredite, o sucesso vai chegar!

Top dicas para iniciantes em WordPres

 como o colocar online?

Siga este guia completo 13 top dicas para iniciantes em WordPress que o Kit Criar Blogs preparou para si e coloque o seu projeto online, sem qualquer complicação. Acreditamos que este é o primeiro passo para chegar onde sempre desejou!

1. Escolha o nome do blog

O primeiro passo para, realmente, colocar o seu projeto online é escolher o nome do mesmo. Escolha um nome que mostre a pessoa que é e a ideia que pretende transmitir com o blog. Escolha, também, um nome fácil de memorizar e que faça as pessoas ligarem-se automaticamente.

Já tivemos a experiência de encontrar diversos nomes de blogs durante pesquisas na internet e, alguns deles, ficaram gravados pela originalidade ou por, efetivamente, serem memoráveis.

Tome o tempo que for necessário neste passo e consiga o nome perfeito para o seu blog!

  2. Adquira o domínio

Tendo o nome para o seu projeto, pode adquirir o domínio. Este pode ter qualquer extensão associada, mas recomendamos a .com, por ser universal, ou as associadas ao país em questão, como é o caso da .pt.

Caso pretenda adquirir o domínio mais tarde, pode fazê-lo, mas aconselhamo-lo a fazer a compra o quanto antes, pois, dessa forma, conseguirá garantir a disponibilidade do mesmo. Pode obter mais informações no artigo Como escolher um domínio para o seu blog?. onde pode encontrar algumas dicas e ferramentas úteis.

Nota. Kitcriarblogs recomenda Namecheap para registar nomes de domínios

3.Adquira a hospedagem

A hospedagem é, de uma forma banal, a casa do seu blog. É nesta que irão ficar armazenados os ficheiros do website, o conteúdo multimédia e, ainda, é o que irá permitir que o seu blog seja visto pelos seus leitores.

Existe a opção de hospedagem gratuita e de hospedagem paga. No Kit Criar Blogs aconselhamos a hospedagem paga por diversas razões, como a possibilidade de ser mais original, a melhoria a nível de crescimento, entre outras.

Descubra mais sobre hospedagem no artigo Como escolher a melhor hospedagem WordPss?” e adquira a sua.

Nota. Kitcriarblogs recomenda Webhs.pt para compra de hospedagem

4.Faça a instalação do WordPress

Assim que comprar a hospedagem e o domínio para o seu blog, pode instalar o sistema de gestão de conteúdo (CMS) que mais se adequa ao seu projeto. As opções são muitas, sendo o WordPress e o joomla as mais conhecidas.

No Kit Criar Blog recomendamos a instalação do WordPress, por ser o CMS mais usado na atualidade e, portanto, o que possui mais suporte e variedade de temas e plugins. Além disso, o sistema é muito prático e fácil de usar.

Escolha um tema que se adeque ao blog1

Smartmockups

5. Escolha um tema que se adeque ao blog

Finalmente pode começar a dar forma ao seu projeto, instalando um tema que mostre a sua visão, a sua voz e o que pretende, realmente, transmitir com o mesmo. Ao contrário do que costumava acontecer com o sapo e o blogger, existe uma infinidade de opções, o que permite agradar todos os gostos.

Terá a possibilidade de usar temas gratuitos, que podem ser encontrados na própria plataforma ou em websites que permitem o download gratuito de temas, ou temas pagos, que podem ser encontrados a um preço baixo e acessível para quem está a começar.

Nota. Kitcriarblogs recomenda Thrivethemes. para compra do seu tema WordPress

6.Instale os plugins

Instalado o tema, chegou a hora de instalar os plugins. Pode encontrar os melhores plugins para o seu blog num artigo que criámos anteriormente, sendo que os mais comuns e importantes são:

  • AddToAny Share Settings
  • Akismet
  •  BackWPup
  • Contact Form 7
  •   WP-Optimize
  •   Yoast SEO

7. Crie o logótipo  e favicon do seu projeto

O próximo passo deste guia do iniciante para iniciar um blog é a criação do logótipo para o seu blog. Começar um blog sem ter uma marca não faz sentido, pois isso será um impedimento ao crescimento do projeto.

Desde o início, dê a conhecer a sua marca e deixe que os leitores se apaixonem pela mesma. Caso não tenha competências de design, pode usar algumas ferramentas que vão facilitar o seu trabalho, como é o caso do Canva ou Picmonkey. O Canva tem templates pré-definidos que lhe irão permitir criar um logótipo profissional e criativo. Ou ainda contratar um designer freelancer.

Pode procurar  designers freelancers em Workana  em língua portuguesa ou UpWork apenas em inglês.

8. Prepare a captura de e-mail

Um erro que muitos bloggers comentem é o de não começarem a captura de e-mail desde o momento em que o projeto se encontra online. Começar essa captura desde o primeiro dia, irá facilitar imenso no futuro.

Para começar esta captura, deve fazer a configuração do Mailchimp – ou de outro serviço de e-mail – e inserir uma área, dentro do WordPress, que permita a captura de e-mails. A partir desse momento, estar em contacto direto com os seus seguidores será muito mais fácil.

Sendinblue tem um excelente serviço, um pacote grátis, e muito bom suporte em língua portuguesa.

Nota. Kitcriarblogs recomenda Sendinblue  para o seu serviço de captura de e-mai

9. Crie as páginas essenciais

Quando começa um website para o seu projeto digital, existem algumas páginas essenciais que devem ser criadas e que irão permitir uma navegação facilitada por parte dos seus leitores. Essas páginas terão o objetivo de apresentar o seu projeto, permitir o contacto direto e muito mais.

Algumas das páginas que deve inserir são as dedicadas a:

  •    Contactos
  •   Mídia Kit
  •    Página “Comece Aqui” ​
  •    Sobre mim/projeto
  •    Página de erro
  •   Página inicial
  •   Política de Privacidade
  •    Renúncia

Crie um perfil nas redes sociais

Smartmockups

10. Crie um perfil nas redes sociais

Outro ponto a seguir nas nossas 13 top dicas para iniciantes em WordPress é que deve criar um perfil nas redes sociais mais relevantes para o seu projeto em específico. Após criar esses perfis nas redes sociais, deve adicioná-las ao website, de modo a direcionar os leitores para as mesmas.

Crie, apenas, perfis de redes sociais que façam sentido para o seu projeto. Marcar presença em todas as redes sociais vai fazê-lo desistir antes de começar.

11. Faça um calendário editorial

Assim que tudo estiver configurado e pronto a ser lançado, deve criar um calendário editorial que lhe permita manter o foco e o faça alcançar os seus objetivos.

Este calendário editorial deve ter data marcada para a criação de artigos, de postagens nas redes sociais, de newsletters, entre muitos outros conteúdos. Assim que o planeamento estiver concluído, é essencial manter um registo das métricas adquiridas e, dessa forma, testar se os esforços estão a oferecer os resultados desejados.

12. Prepare o blog com algum conteúdo

Claro que as 13 top dicas para iniciantes em WordPress teria que ter um ponto dedicado à criação do conteúdo. Antes do lançamento do blog, crie algum conteúdo que lhe permita dar escolha aos seus primeiros leitores. Ninguém tem interesse num blog que ofereça, apenas, um ou dois artigos.

Crie os primeiros artigos do seu calendário editorial e faça a publicação dos mesmos. Juntamente com a publicação, faça a interligação, com links, dos conteúdos criados. Isto irá promover a permanência dos seus leitores.

13. Lance o blog e divulgue muito!

Finalmente, com toda a estrutura concluído, chegou a altura de lançar o blog e divulgar o mesmo. Este é um dos pontos mais trabalhosos, mas, também, é o que lhe irá permitir crescer e atingir o sucesso que deseja.

Faça a divulgação com pessoas conhecidas, em grupos dedicados a blogging ou ao tema em específico, em redes sociais, em comentários feitos noutros blogs – caso tenha algo de interessante a acrescentar ao artigo em questão –, através de guest posts e muito mais. Seja criativo e faça uma divulgação adequada!

Conclusão

Seguindo os passos desta segunda parte das nossas 13 top dicas para iniciantes em WordPress, conseguirá colocar o seu blog online e, finalmente, começar a trabalhar no mesmo e a divulgá-lo. Com o tempo, temos a certeza que alcançará o sucesso!

Qualquer questão que tenha sobre esta segunda parte do guia, pode deixar nos comentários ou contactar-nos diretamente através da página de contactos. Teremos todo o prazer em responder e ajudá-lo!